sábado, 15 de abril de 2017

Precisamos conversar sobre o "Blue Whale".


Oi! Eu finalmente VOLTEI! Jesus, que saudade que eu senti de postar aqui. Demorei mais do que disse que demoraria, mas antes tarde, do que nunca.
Eu ganhei o notebook novo na terça se não me engano, mas já que na terça eu estava aprendendo a usar (o meu antigo era Windows 7, esse novo é Windows 10 e eu nunca tinha usado, é bem diferente e mais bonito) e organizando ele e quarta eu fui na casa de uma amiga (e voltei ontem de noite) e eu sinceramente odeio escrever qualquer coisa com alguém olhando, então deixei pra quando eu estivesse em casa, tranquila, descansada e sozinha de preferência. Como ontem já estava muito tarde eu resolvi deixar pra hoje mesmo.

Admito que nesses últimos tempos eu estive até que bem sobrecarregada com trabalhos e percebi que eu estava certa; esse ano vai ser complicado pra mim, que nem dupla tenho na sala de aula.
Teve uma apresentação esses dias que como valia muita nota eu tive que ir, e eu odeio apresentações/palco/público. Eu tremi muito antes e chorei muito depois, mas o que a gente não faz por cinquenta pontos praticamente de graça no boletim?
Falando em apresentações, tenho um trabalho de geografia pra fazer que vale vinte pontos agora. Posso entregar até o final desse mês, mas eu não quero fazer e provavelmente nem vou, só estou preocupada porque eu sempre tiro notas baixas em geografia e esses vinte pontos podiam me salvar. Mas eu não quero passar pela mesma coisa de novo e me sentir mal que nem me senti todas as outras vezes que apresentei alguma coisa. Ok, eu realmente preciso resolver esse meu problema.
A pior parte mesmo é o professor estar fazendo isso e outras coisas justamente pra acabar com a timidez dos alunos. Ele disse que "timidez é a mesma coisa que falta de preparação e depois que se acostuma a pessoa vê uma apresentação como uma coisa normal". Achei bem ignorante da parte dele, já que - pra mim - timidez e falta de preparação são coisas bem distintas, mas se ele acha que é a mesma coisa, né, quem sou eu pra contrariar... já vi que vou me ferrar muito esse ano.