sábado, 15 de abril de 2017

Precisamos conversar sobre o "Blue Whale".


Oi! Eu finalmente VOLTEI! Jesus, que saudade que eu senti de postar aqui. Demorei mais do que disse que demoraria, mas antes tarde, do que nunca.
Eu ganhei o notebook novo na terça se não me engano, mas já que na terça eu estava aprendendo a usar (o meu antigo era Windows 7, esse novo é Windows 10 e eu nunca tinha usado, é bem diferente e mais bonito) e organizando ele e quarta eu fui na casa de uma amiga (e voltei ontem de noite) e eu sinceramente odeio escrever qualquer coisa com alguém olhando, então deixei pra quando eu estivesse em casa, tranquila, descansada e sozinha de preferência. Como ontem já estava muito tarde eu resolvi deixar pra hoje mesmo.

Admito que nesses últimos tempos eu estive até que bem sobrecarregada com trabalhos e percebi que eu estava certa; esse ano vai ser complicado pra mim, que nem dupla tenho na sala de aula.
Teve uma apresentação esses dias que como valia muita nota eu tive que ir, e eu odeio apresentações/palco/público. Eu tremi muito antes e chorei muito depois, mas o que a gente não faz por cinquenta pontos praticamente de graça no boletim?
Falando em apresentações, tenho um trabalho de geografia pra fazer que vale vinte pontos agora. Posso entregar até o final desse mês, mas eu não quero fazer e provavelmente nem vou, só estou preocupada porque eu sempre tiro notas baixas em geografia e esses vinte pontos podiam me salvar. Mas eu não quero passar pela mesma coisa de novo e me sentir mal que nem me senti todas as outras vezes que apresentei alguma coisa. Ok, eu realmente preciso resolver esse meu problema.
A pior parte mesmo é o professor estar fazendo isso e outras coisas justamente pra acabar com a timidez dos alunos. Ele disse que "timidez é a mesma coisa que falta de preparação e depois que se acostuma a pessoa vê uma apresentação como uma coisa normal". Achei bem ignorante da parte dele, já que - pra mim - timidez e falta de preparação são coisas bem distintas, mas se ele acha que é a mesma coisa, né, quem sou eu pra contrariar... já vi que vou me ferrar muito esse ano.


Bem, gente, vocês já devem conhecer ou ter ouvido falar sobre o jogo "Blue Whale" ou (traduzindo) "Baleia Azul". Eu não sei porquê esse é o nome do "jogo", mas esse não é bem o ponto. Odeio voltar logo com um post sobre isso, mas eu quero e vou falar sobre isso. Vou tentar deixar o post mais leve, pra não ficar uma coisa muito "sombria", digamos assim.

Blue Whale é basicamente um jogo russo de suicídio. São 50 desafios terríveis para serem feitos em 50 dias, todos as quatro e pouca da manhã, o último desafio é se suicidar. Horrível, não é? Você só pode "jogar" se receber o convite, você vai ter um "curador" que é basicamente a pessoa que te controla o tempo inteiro. Ela que te diz os desafios, e entre eles há assistir filmes de terror de madrugada, ouvir músicas psicodélicas, cortar o desenho de uma baleia azul no braço, etc. Assim que se entra no jogo, não se pode mais sair, pois o curador terá todos os seus dados. Pelo que eu soube, não se pode falar que está jogando.

Eu vejo muitas pessoas falando por aí que as pessoas que jogam isso são egoístas, não pensam na família e amigos, ou então que são satanistas, isso se não disserem que o jogo é do demônio. As pessoas que entram nesse "jogo" e não tem nenhum problema psicológico, eu concordo que elas possam ser egoístas ou babacas - a troco de quê essas pessoas entrariam nisso? Pra provar algo sem necessidade, provavelmente. Mas as que tem, acho errado chamá-las de egoístas e etc, certo que depressivos não precisam se jogos pra se matar, eles simplesmente vão lá e se matam, mas eles podem muito bem participar do jogo e ver gente falando que eles são idiotas não os ajuda em nada. Vi gente dizendo que depressão é coisa de quem não tem o que fazer, acreditam? Dizendo que "pobre não tem depressão porque passa trabalhando e agradecendo pelo pouco que tem", É cansativo.

Transtorno psicológico é coisa séria. Transtornos psicológicos são doenças como as outras e que como as outras podem levar à morte se não tratadas.

Já vi alguns religiosos extremistas dizendo que depressão é falta de fé, que essas pessoas precisam de Deus na vida, que elas estão possuídas e coisas do tipo, e, mano ????????????????????????????. Tudo bem que algumas pessoas se sentem melhores depois que vão pra igreja, viram cristãs e tal, eu entendo isso e não tenho nada contra, mas não acho legal dizer isso pra uma pessoa depressiva e justificar tudo com isso, porque ninguém é igual. Talvez aquela pessoa não seja da mesma religião que a sua e nem queira ser, talvez ela não se encaixe ou não melhore com igrejas como aquela outra pessoa melhorou. Todos tem suas diferenças.

Eu fico muito triste mesmo vendo esse tipo de coisa. De verdade, eu fico bem mal sabendo que muita gente não sabe se colocar no lugar do outro e sequer tenta compreender como ele se sente e já sai falando tudo da boca pra fora. Nem pesquisa nada sobre e já sai falando como quer e não entende sobre algo. É irritante.

Depressão não é egoísmo, e nenhum outro transtorno é. O único egoísmo aqui é de quem fala essas coisas sem nem se perguntar se está fazendo mal para alguém. Fico cada vez mais cansada de repetir para as pessoas terem mais amor com o próximo, mas eu nunca vou parar. Às vezes quero chorar só por causa disso não riam, eu fico muito triste, de verdade. Podiam pesquisar pra entender, tem tantas formas. Se não sabe usar a internet, então pergunte pra alguém competente, vá numa biblioteca e pesquise lá. Não adianta fingir que não há formas de saber o que é e ignorar tudo o que te dizem sobre, isso é ignorância, isso impede sua mente de evoluir pro século XXI.

                                                                        Pink Whale - Baleia Rosa
Vendo o tanto de sofrimento que o Blue Whale criou pra muitas pessoas, algum ser humano por aí criou o Pink Whale que é um jogo lindo e maravilhoso, onde também temos 50 desafios, você também tem um curador, mas o último desafio é ser feliz. Nesse jogo o curador te ajuda quando você está triste, te dá desafios, como escrever "eu sou lindo(a) e me amo" ou algo do tipo na mão, fazer amizades, enfim, ele te tira do fundo do poço e não tira sua vida no final. Tem várias versões desse jogo, e você pode sair quando quiser; o curador não tem seus dados e nem os da sua família. É um joguinho do bem e esse sim eu recomendo que vocês participem! ❤

O post foi curtinho (desculpem T.T), mas foi só pra conscientizar vocês mesmo e eu não tenho muito mais o que dizer, também. Por favor, não sejam ignorantes quanto a coisa nenhuma, pesquisam e tenham noção do que estão falando, pensem duas, três, quatro vezes antes de falar. Ajudem os outros e a vocês mesmos, a humanidade agradece.

Ah, uma recomendação de música pra vocês:



~~chu. até a próxima!

4 comentários:

  1. Oi, oi! Tudo bom?
    Ahh, eu tinha atualizado o meu PC pro Windows 10 um tempo atrás, só que eu não consegui me acostumar e voltei pro Windows 8, vai entender. Eu também não consigo escrever com ninguém olhando, mas meu PC fica na sala, então eu só escrevo a noite, que vida triste a minha, hein -q.
    Nossa, esse seu professor realmente falou algo muito ignorante. Se você tem dificuldade pra apresentar os trabalhos, isso não é falta de preparação e sim algo sério, ele não deveria banalizar isso. Espero mesmo que você consiga lidar com seu problema e superá-lo, pois eu sei bem como é difícil ter que lidar com isso.

    Eu ouvi falar nesse jogo, até pesquisei no Youtube. Fiquei com raiva por ter visto tantos vídeos banalizando isso, achando algo completamente normal. É realmente idiota. Muito, muito idiota.
    Isso soa tão horrível, de verdade. Eu fico assustada em saber que alguém pode fazer algo do tipo, é realmente assustador.
    Eu também concordo com isso. As pessoas que não possuem nenhum tipo de problema, é realmente egoísta entrar em um jogo sabendo que existem pessoas que realmente se importam com você, mas pessoas com problemas psicológico não vão pensar nisso, porque sentem uma dor tão grande que é impossível pensar dessa forma, então eu entendo.
    Eu já ouvi muita gente falar isso, e sério, eu me seguro demais pra não ser agressiva. Uma vez minha mãe (que já teve depressão) tava falando isso com a minha tia, e a única coisa que ela disse foi "depressão é frescura, na minha época a gente batia e não ficava com frescura". Foi por causa desse pensamento que muitos adolescentes sofrem com essa doença. Sério, como alguém pode pensar dessa forma?
    Owwnt, eu adorei esse desafio, é de fato muito fofo. Esse desafio sim, vale a pena, e muito. Fiquei até com vontade de participar ♥
    Ouvi a música enquanto lia o post, achei muito boa, inclusive! ♥
    Enfim, vou ficar por aqui, adorei demais o post, acho que todo mundo deveria ler. Beijooos!
    Segunda Neve (sim, bloguinho novo) (~ ̄▽ ̄)~

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! Tudo sim, e com você?
      Na verdade, acho os dois bem parecidos, mas nunca usei o 8, só vi minha amiga usando.
      Aaah, eu sei como é. Teve uma época que meu PC ficava numa salinha aqui de casa onde vivia passando gente atrás de mim, eu não conseguia fazer nada direito e não é nem por esconder algo, só fico desconfortável mesmo.
      Eu também espero! T^T Ele já está falando de um trabalho pro final do ano que parece que é bem difícil de fazer e ainda vale muita nota, sou praticamente obrigada a fazer porque se eu não fosse, eu teria que gabaritar a prova, deixar o qualitativo impecável e ainda faltaria. Eu não posso fazer isso porque sou péssima em geografia, então nada me garante que eu vou gabaritar a prova.

      Sim, eu acho que é uma coisa séria e me deixa irritada quando banalizam. Não é normal, essas pessoas precisam de ajuda.
      Talvez seja realmente egoísta, mas uma pessoa depressiva, no meio de uma crise, nem deve pensar nisso. Não que elas queiram realmente morrer, é só que se sentem um peso para as pessoas e que se sentem mal consigo mesmas, elas só querem que a dor acabe.

      Bem errado sua mãe falar isso, principalmente por ela já ter tido depressão, deveria entender. Não sabia que bater curava doença - aliás, bater resolve alguma coisa?

      Siim, é muito fofinho! Participe sim. Eu só não participo porque tenho vergonha de falar com algum curador e nem sei onde posso conseguir.

      ~~chu

      Excluir
  2. Olá <3
    Vi recentemente uma polêmica com o tal desafio, mas me atentei pouco. Sei do que se trata e acho que as pessoas devem começar por curiosidade achando que é brincadeira, ou querendo conhecer o desafio polêmico, e acabam se sentindo ameaçadas pela pessoa que tem as informações delas. No fim acabam indo até o final, é uma situação complicada e acho que qualquer pessoa, independente do estado de saúde mental, pode acabar se envolvendo ser ter noção de onde está realmente entrando. É tipo quando dizem que muitos jovens se suicidaram depois de ler Werther, que era apenas um romance como outro qualquer, mas despertou sentimentos diversos nas pessoas que leram.

    Achei lindo a ideia do Pink Whale e acho que poderia ter mais coisas nesse sentido <3 não as campanhas babacas e sem noção que rolaram no facebook durante o Setembro Amarelo (ainda quero matar umas pessoas pela campanha do inbox), mas algum serviço com gente especializada por trás seria incrível! Fiquei feliz de saber desse que você citou.

    Beijo! :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!

      Verdade, algumas pessoas realmente começam por isso, mas acho que nem deveriam se arriscar. Vi algo sobre os 49 desafios serem um encorajamento para cumprir o último, porque eles danificam o psicológico da pessoa. Nunca tinha ouvido falar disso, mas já vi o "a música original de Pokémon, Lavender Town, fez várias crianças se suicidarem e por isso foi retirada do jogo".

      Achei muito amor também! É legal saber que ainda tem pessoas querendo ajudar umas as outras. Não sei de que campanhas você está falando, mas acho melhor ficar longe se foram tão ruins assim.

      ~~chu

      Excluir

Comente e deixe uma autora feliz! Se quiser pode deixar o link do teu blog no final do comentário e eu irei visitá-lo (apesar de isso não ser grande coisa) ♥
Críticas construtivas são bem-vindas e aceito afiliação ou tags ♥